HISTÓRIA DA ACE-GV

O Portfólio de Notícias da Associação Comercial e Empresarial de Governador Valadares (ACE-GV) se constitui de recortes de notícias publicadas no Diário do Rio Doce (DRD) entre 1998 a 2019. A iniciativa de realização de tal pesquisa foi da própria ACE-GV, na figura de seu presidente Jackson Lemos, em comemoração aos 80 anos da instituição. A intenção foi a de recolher as notícias vinculadas a cada diretoria nos últimos 20 anos de atuação. A parceria firmada entre a ACE-GV e a Univale envolveu pesquisadores do Observatório Interdisciplinar do Território (OBIT/Univale), vinculado ao Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu Gestão Integrada do Território.

 

A equipe de pesquisa, coordenada pelo professor Haruf Salmen Espindola, consultou o jornal impresso entre os anos de 1998 a 2008 no arquivo do Diário do Rio Doce. Os números publicados entre 2009 a 2019, foram pesquisados em arquivos PDFs disponibilizados, pelo DRD, aos pesquisadores. Dessa forma, as notícias referentes a ACE-GV veiculadas nos jornais impressos foram fotografadas e aquelas veiculadas nos jornais disponibilizados em PDF foram recortadas.

 

Ao todo foram consultados mais de 6.000 números de jornais. Eles foram organizados por Diretoria, da seguinte forma:

 

Volume I – Ivo de Tassis Filho

Volume II – Ignês Vieira Cabral

Volume III – Lincoln Byrro Netto

Volume IV – Edmilson Soares dos Santos

Volume V – Wellington Silveira de Oliveira Braga

Volume VI – Edison Gualberto

Volume VII – Renato Fraga Valentim

Volume VIII – Maurício Campos Dutra

Volume IX – Jackson Lemos

 

De um modo geral, os recortes indicam a participação efetiva da ACE-GV enquanto entidade representativa dos empresários da cidade em vários âmbitos, sejam eles vinculados às demandas da própria classe ou aqueles voltados para o desenvolvimento do município ou para ação social, frequentemente demonstrados a partir das inúmeras parcerias estabelecidas com outros setores e atores sociais. Longe de mostrarem toda a dinâmica da ACE-GV os recortes organizados em nove volumes recuperam parcialmente a memória da entidade e contribui para o fortalecimento de sua identidade. Entretanto, cabe ressaltar que os recortes demonstram uma efetiva articulação da ACE-GV com a cidade e seus desafios: sociais, infraestruturais, econômicos, políticos e desenvolvimentistas.

DIRETORIA IVO DE TASSIS.png